PUBLICIDADE
IPCA
0,47 Mai.2022
Topo

Vídeo mostra processo que grupo usava para falsificar cervejas no ES

Do UOL, em São Paulo

14/06/2022 22h21Atualizada em 14/06/2022 22h21

Um vídeo registrado pela Polícia Civil do Espírito Santo mostra como funcionava o processo de falsificação de rótulos de cerveja em um galpão onde oito pessoas foram presas por falsificação de bebidas, concorrência desleal, venda de produto impróprio ao consumo e associação criminosa na manhã desta terça-feira (14).

Nas imagens, é possível ver um dos detidos falsificando uma garrafa em pouco menos de um minuto. Ele tem dois rótulos falsificados em mãos: um deles cerca o gargalo e outro fica no meio da garrafa, transformando uma cerveja de marca mais barata em outra de marca conhecida.

Ao todo, a polícia apreendeu 32 mil garrafas adulteradas durante a operação da Delegacia Especializada de Defesa do Consumidor (Decon). A maior parte das garrafas estava dentro de um caminhão que havia acabado de chegar à empresa, alvo de um mandado de busca e apreensão.

"Durante as diligências, localizamos duas mil garrafas já falsificadas e prontas para venda. No local, também foram apreendidos materiais para falsificação, como rótulos, tampas, colas e lacres. Eles estavam usando falsificações de marcas tradicionais e bastante conhecidas", explicou o delegado Eduardo Passamani, titular da Decon, em nota emitida pela Polícia Civil capixaba.

Os oito homens detidos pela polícia confessaram que adulteravam as garrafas. Eles foram autuados em flagrante pelos crimes de falsificação de bebidas, concorrência desleal, venda de produto impróprio ao consumo e associação criminosa.

Os suspeitos foram encaminhados para o Centro de Triagem de Viana (CTV), também no Espírito Santo, mas não tiveram suas identidades ou participação no esquema divulgados.