IPCA
0,42 Fev.2024
Topo

Hurb é criticada por hotéis e clientes e CEO ironiza situação; veja

Colaboração para o UOL, em São Paulo

13/04/2023 09h47Atualizada em 13/04/2023 14h42

A Hurb acumula reclamações de clientes e hotéis, que vêm suas viagens prejudicadas e não são pagos corretamente, respectivamente.

O que aconteceu?

A agência de viagens acumula queixas de clientes nas redes sociais. A maioria reclama de problemas com pacotes de viagem, adquiridos na pandemia. Os clientes dizem que até hoje não conseguem fazer a marcação do passeio. Somente no site Reclame Aqui foram registradas 29,5 mil reclamações contra a Hurb.

Segundo o jornal O Globo, hotéis de todo o país pararam de receber novos hóspedes da empresa.

O CEO João Ricardo Mendes postou um vídeo enigmático no LinkedIn na terça-feira (11), ironizando a situação.

O vídeo de três minutos mostra Mendes pisando em uma faixa que contém reclamação de um cliente prejudicado pela empresa.

No decorrer da filmagem, ele simula uma terapia com um sistema de inteligência artificial, cola um chip em seu rosto, simula orquestrar uma música clássica, sai com um lança-chamas em meio a um escritório - sendo, ao que parece, o da própria empresa - e faz referência ao filme Matrix, tendo de escolher entre a pílula azul ou vermelha.

Na rede social em que o vídeo foi postado, ele diz que erros "acontecem" e que o concorrente "está a um clique de distância". "Erros serão cometidos, pessoas ficarão chateadas, outras não saberão o que estão falando, mas isso é muito melhor do que como as coisas acontecem em outras companhias, que se dizem à prova de erros e se dizem one-trick pony (pônei de um truque só, na tradução literal, ou seja, quando se é habilidoso com determinada tarefa)".

O que diz a Hurb: em nota divulgada na segunda-feira, a Hurb informou que "mobilizou uma força-tarefa para normalizar a situação com cada parceiro no menor prazo possível".