Demoraria 160 anos para juntar o prêmio de R$ 580 mi da Mega da Virada

O prêmio da Mega-Sena da Virada, arredondado R$ 580 milhões, é o maior da história da loteria federal brasileira. O sorteio aconteceu neste domingo (31). Para juntar esse valor, uma pessoa levaria quase 160 anos, já considerando o Imposto de Renda (IR) a pagar. É o que apontam os cálculos feitos por Marcos Edison Griebeler, assessor de negócios da Sicredi Iguaçu PR/SC/SP e Ivan Eugênio, analista de Valores Mobiliários e analista na MW Research.

O UOL pediu aos especialistas para fazer três simulações, com investimentos fixos de R$ 1 mil, R$ 5 mil e R$ 10 mil por mês em um Certificado de Depósito Interbancário (CDI). Os resultados consideram retorno de 100% do CDI, o equivalente a 11,65% ao ano, e inflação com meta de 3,25%, que é o teto estipulado pelo governo federal para 2024.

CDI

Investindo R$ 1 mil: demoraria 230 anos para ter um rendimento líquido de R$ 587,8 milhões, já corrigido pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA).
Investindo R$ 5 mil: seriam necessários 180 anos para conseguir R$ 592,4 milhões líquidos, também corrigidos pelo IPCA.
Investindo R$ 10 mil: em 158 anos seria possível juntar, líquidos, R$ 584,3 milhões - já contando o IPCA.

Os cálculos já levam em consideração desconto de 15% do Imposto de Renda para investimentos acima de dois anos.

Errata:

o conteúdo foi alterado

  • O texto dizia inicialmente que demoraria 90 anos para juntar o prêmio, mas desconsiderava a inflação.

Veja também

Deixe seu comentário

Só para assinantes