Bolsas

Câmbio

GE nomeia John Flannery como presidente-executivo, Immelt vai se afastar

(Reuters) - A General Electric nomeou nesta segunda-feira John Flannery como seu próximo presidente-executivo, assumindo o cargo de Jeff Immelt, que se afastou depois de 16 anos como líder e de ter ajudado o conglomerado a atravessar a crise financeira, mas agora a empresa vale um terço a menos de quando ele assumiu.

Sob o comando de Immelt, a GE vendeu suas unidades de finanças, radiodifusão, eletrodomésticos e outras para se concentrar em serviços de maior margem, negócios relacionados a software e reduzir os custos, mas não conseguiu gerar crescimento do lucro tão rápido quanto alguns investidores esperavam.

A GE disse que Flannery, 55 anos, que se juntou a companhia há 30 anos e atualmente comanda a unidade de saúde, substituirá Immelt como presidente-executivo, efetivamente a partir de 1º de agosto, e como presidente do conselho depois da saída de Immelt em 31 de dezembro.

"Quero começar com um novo olhar em torno da empresa em geral e acho que com um senso de urgência", disse Flannery em uma transmissão ao vivo no Facebook. "Há tantas coisas que fazemos bem e que sempre fizemos bem e há claramente algumas áreas que precisamos melhorar e melhorar rapidamente. Ninguém está feliz com o preço das ações no momento ou com alguns dos quadros financeiros que tivemos".

Desde 2001, quando Immelt se tornou presidente-executivo, as ações da GE caíram 30 por cento, enquanto o índice S&P 500 mais do que dobrou.

As ações da companhia subiram mais de 3,5 por cento a 28,95 dólares, nesta segunda-feira, com a nomeação de Flannery que encerrou um programa de planejamento de sucessão de seis anos.

(Por Arunima Banerjee)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos