Bolsas

Câmbio

Estácio convoca assembleia para reformar estatuto social, propõe prêmio de 30% em OPA

Por Gabriela Mello

SÃO PAULO (Reuters) - A Estácio Participações convocou nesta segunda-feira os acionistas para uma assembleia-geral extraordinária, a ser realizada em 31 de agosto, tratando de uma reforma do estatuto social da companhia.

Entre as mudanças propostas, a segunda maior empresa de ensino superior privado do país cita a criação de quatro comitês, incluindo um estratégico e outro de governança, e modificações em regras que se aplicam à aquisição de participação acionária igual ou superior a 20 por cento do capital da companhia.

O novo estatuto determina um prêmio de 30 por cento para ofertas públicas de aquisição de ações (OPA), segundo comunicado divulgado nesta manhã pela Estácio.

A empresa ainda esclarece que o preço fixado e sobre o qual se aplicará o ágio será o mais alto dos seguintes cálculos: média ponderada dos últimos 90 pregões antecedentes à data da oferta, valor do papel na última OPA efetivada 24 meses antes da oferta ou valor econômico da empresa.

A proposta prevê, ainda, a criação de quatro comitês -Estratégico, Acadêmico, Gente e Governança e Auditoria e Finanças- para assessorar o conselho de administração da Estácio.

"O que estamos mudando está em linha com as práticas do Novo Mercado sugeridas pela B3", comentou o presidente do conselho da companhia, João Cox.

Segundo ele, as mudanças começaram a ser discutidas logo na primeira reunião do conselho, um dia após a negativa do Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) à compra da Estácio pela Kroton Educacional em um acordo de 5,5 bilhões de reais.

Questionado se a reforma estatutária visava proteger a companhia de ofertas hostis como a feita pela Kroton, Cox afirmou que o movimento não torna a Estácio menos vulnerável a tentativas de aquisição. "A intenção não é impedir que a adquiram, mas assegurar que os atuais acionistas sejam privilegiados", disse.

Ele reiterou que a companhia planeja aquisições e já está mapeando o mercado em busca de oportunidades. "A Estácio tem condições de crescer muito, não só organicamente. Temos interesse em aquisições, mas não temos pressa porque temos espaço para valorização e para corrigir o gap de rentabilidade perante terceiros", acrescentou Cox.

Às 16:23, as ações da Estácio subiam 3,45 por cento, a 20,40 reais, figurando entre as principais altas do Ibovespa <.BVSP>, que subia 0,6 por cento. Até o fechamento de sexta-feira, os papéis acumulavam alta de quase 27 por cento.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos