Bolsas

Câmbio

Bovespa segue exterior e se firma no azul em dia cautela antes de feriados

Por Gabriela Mello

SÃO PAULO (Reuters) - O principal índice de ações da bolsa paulista se firmava no campo positivo nesta sexta-feira, acompanhando o exterior, em pregão marcado por cautela antes de um fim de semana prolongado pelo feriado do Dia da Consciência Negra e também por ajustes para o vencimento de opções sobre ações na próxima terça-feira.

Às 12:05, o Ibovespa subia 0,25 por cento, a 72.691 pontos. O giro financeiro somava 1,45 bilhão de reais.

O indicador estica o movimento de alta iniciado na véspera, quando fechou com valorização de 2,38 por cento, puxado pelo bom humor dos investidores nas bolsas internacionais e por balanços positivos.

A firmeza das commodities, com destaque para a recuperação dos preços do petróleo em Nova York e Londres e para o avanço das cotações do minério de ferro na China, também sustentava o viés positivo da B3.

Mas operadores do mercado alertam que a tendência é de maior volatilidade na próxima semana, com os feriados da Consciência Negra em algumas partes do Brasil e do Dia de Ação de Graças nos Estados Unidos devendo esvaziar as sessões.

"No Brasil, certamente existe espaço para recuperação, mas os investidores podem ficar mais prudentes por conta do feriado da próxima segunda-feira e do feriado do dia de Ação de Graças nos EUA", escreveu Álvaro Bandeira, economista-chefe da Home Broker Modalmais, em comentário de mercado.

Outro fator que pode adicionar volatilidade aos negócios é o noticiário político, com as atenções voltadas para a reforma ministerial, como parte das articulações do governo para obter aprovação de uma versão mais enxuta de mudanças na Previdência.

DESTAQUES

- ECORODOVIAS ON subia 2,73 por cento, liderando as altas do Ibovespa, após a publicação de portaria que disciplina procedimentos para a reprogramação de investimentos em concessões rodoviárias federais.

- PETROBRAS PN subia 0,70 por cento, e PETROBRAS ON ganhava 0,67 por cento, reagindo ao desempenho do petróleo e a novas notícias sobre o plano de desinvestimentos da estatal. A petroleira anunciou nesta manhã o início de fase não vinculante para venda de três conjuntos de campos terrestres no Rio Grande do Norte e na Bahia.

- VALE ON operava perto da estabilidade, com variação positiva de 0,06 por cento, em dia de ganhos para o minério de ferro, que voltou a subir em Dalian, na China.

- ITAÚ UNIBANCO PN avançava 0,14 por cento e BRADESCO PN se valorizava 0,61 por cento, reforçando o viés altista do Ibovespa, dado o peso dessas ações em sua composição. Ainda no setor financeiro, BANCO DO BRASIL ON subia 0,97 por cento e SANTANDER UNIT tinha alta de 1,34 por cento.

- OI PN recuava 0,51 por cento, enquanto OI ON cedia 1,55 por cento, tendo no radar a decisão do juiz responsável pela recuperação judicial da operadora proibindo que os novos diretores Hélio Costa e João Vicente Ribeiro interfiram no processo.

- NATURA ON recuava 0,93 por cento, sucumbindo a realizações de lucros após os ganhos acentuados da véspera, quando chegou a subir mais de 15 por cento em reação ao balanço do terceiro trimestre.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos