ipca
-0,09 Ago.2018
selic
6,5 19.Set.2018
Topo

UE adverte que poderá retaliar caso EUA imponham tarifas sobre aço e alumínio

Masayuki Kitano

02/03/2018 08h38

CINGAPURA (Reuters) - A chefe de comércio da União Europeia advertiu na sexta-feira (2) sobre possível retaliação se o plano do presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, de impor tarifas sobre as importações de aço e alumínio se aplicar à Europa.

Trump disse na quinta-feira que tarifas de importação de 25% sobre o aço e de 10% sobre alumínio serão formalmente anunciadas na próxima semana, embora os funcionários da Casa Branca mais tarde afirmassem que alguns detalhes ainda precisam ser solucionados.

Falando em Cingapura, a comissária de Comércio da UE, Cecilia Malmstrom, ressaltou que qualquer ação que atinja a Europa seria "profundamente injusta".

"Estamos discutindo diferentes medidas. Tudo, desde levar o caso à OMC (Organização Mundial do Comércio), sozinho ou com parceiros também afetados, e também medidas de proteção e possível retaliação", disse Malmstrom.

"Essas são coisas que estamos discutindo internamente na Comissão (UE) e nos nossos Estados-membros. Mas, obviamente, nada será anunciado até que possamos conhecer a extensão das medidas."

Mais cedo nesta sexta-feira, o ministro do Comércio da Austrália disse que as tarifas planejadas podem levar à retaliação por parte de outras economias e à perda de empregos, enquanto a China previu prejuízos para o comércio caso outros países sigam o exemplo dos EUA.

Temores de uma guerra comercial atingiram os mercados da Ásia, principalmente o preço das ações de siderúrgicas e de fornecedores para o mercado norte-americano.

Como é difícil encontrar um produto "Made In Brazil" no comércio local

UOL Notícias

Mais Economia