Bolsas

Câmbio

Nasdaq registra alta recorde, enquanto Dow segue sob pressão

Por Chuck Mikolajczak

NOVA YORK (Reuters) - O Nasdaq fechou em alta recorde nesta quarta-feira (20), impulsionado por uma escalada entre empresas de tecnologia e consumo, enquanto o Dow Jones e o S&P 500 foram pressionados por preocupações com o aumento da tensão comercial entre China e Estados Unidos.

O índice Dow Jones caiu 0,17%, a 24.657 pontos, enquanto o S&P 500 ganhou 0,17%, a 2.767 pontos. O índice de tecnologia Nasdaq avançou 0,72%, a 7.781 pontos.

Twenty-First Century Fox subiu 7,5% depois que a Walt Disney melhorou sua oferta para alguns dos ativos da empresa para US$ 71,3 bilhões, tentando derrubar a oferta da Comcast.

O S&P 500 encerrou uma série de perdas de três sessões, impulsionado pelos ganhos nas ações de mídia, que ajudaram no setor discricionário do consumidor de 0,5%.

Nomes do grupo conhecido como FAANG -Facebook, Apple, Amazon, Netflix e Google- avançaram. Com o Facebook subindo 2,3%, a Alphabet ganhando 0,5% e a Amazon.com em alta de 0,9%.

As ações dessas empresas foram relativamente pouco afetadas pelas preocupações comerciais, com quatro dos cinco nomes batendo recordes intradiários nesta quarta-feira. O setor de tecnologia do S&P avançou 0,3%.

As ações da Boeing, consideraras um termômetro para temores comerciais, subiram 0,5%, depois de seis quedas consecutivas e mantiveram o Dow praticamente inalterado. A empresa tem planos para um novo jato para o mercado intermediário que pode entrar em operação em 2025.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos