ipca
0,48 Set.2018
selic
6,5 19.Set.2018
Topo

Botín diz que novo CEO do Banco Santander não sinaliza mudança de estratégia

26/09/2018 13h19

Por Jesús Aguado

MADRI (Reuters) - A nomeação do executivo de banco de investimento italiano Andrea Orcel como novo presidente-executivo do Banco Santander não sinaliza uma mudança de estratégia da instituição financeira, disse a presidente do conselho de administração do banco espanhol, Ana Patricia Botín, nesta quarta-feira.   

A nomeação de Orcel gerou dúvidas sobre se o banco poderia retornar a uma estratégia de crescimento focada em aquisições.    

Mas Botín disse que ele se concentrará na transformação digital do Santander e no crescimento orgânico dos negócios.    

"Andrea Orcel será o novo presidente-executivo do grupo. Tem havido especulações de que ele vem reformular nossa estratégia. Mas já estamos claros sobre qual é a nossa estratégia, continuaremos sendo o banco que somos, um banco comercial operando em 10 países", afirmou Botín a jornalistas em um evento em Madrid.    

A reestruturação da administração no Banco Santander ocorre em um momento delicado para o maior banco da zona do euro, com dois dos três principais mercados --Reino Unido e Brasil-- em foco.    

O Santander deverá apresentar um plano estratégico em fevereiro do próximo ano. Inicialmente, o banco planejava atualizar sua estratégia até o final de 2018, mas disse que precisava de mais tempo como resultado da incerteza resultante do Brexit e da próxima eleição presidencial no Brasil.    

Orcel informou o Santander sobre os acordos recentes que fez no Reino Unido, incluindo a aquisição da Abbey National and Alliance e da Leicester.    

Ele também estava por trás das compra do ABN Amro pelo RBS, Fortis e Banco Santander e trabalhou na aquisição da Sovereign nos Estados Unidos.

Newsletters

Receba dicas para investir e fazer o seu dinheiro render.

Quero receber

Mais Economia