PUBLICIDADE
IPCA
0,24 Ago.2020
Topo

A investidores, Mourão diz que Previdência é carro-chefe do governo Bolsonaro

General Hamilton Mourão (PRTB), candidato a vice na chapa de Jair Bolsonaro (PSL) - GERALDO BUBNIAK/AGB/ESTADÃO CONTEÚDO
General Hamilton Mourão (PRTB), candidato a vice na chapa de Jair Bolsonaro (PSL) Imagem: GERALDO BUBNIAK/AGB/ESTADÃO CONTEÚDO

Por Ricardo Brito

18/10/2018 16h55

BRASÍLIA (Reuters) - O candidato a vice-presidente na chapa de Jair Bolsonaro (PSL), o general da reserva do Exército Hamilton Mourão (PRTB), afirmou na quarta-feira (17) a investidores que a reforma da Previdência é o carro-chefe de um governo do presidenciável do PSL e precisa ser levada adiante, disse à agência de notícias Reuters um participante do encontro.

Mourão avaliou que o atual modelo previdenciário está ultrapassado e chegou a citar que ele é do século 19, segundo a fonte. Ele destacou ainda que se a reforma puder ser feita logo, seria ótimo. A fala do candidato a vice foi feita em um encontro com investidores promovido pelo Merrill Lynch.

O próprio Bolsonaro e outros integrantes da cúpula da campanha têm dado sinais contraditórios sobre qual será o rumo de uma eventual reforma da Previdência no governo, mesmo diante do grave quadro fiscal do país.

No encontro, segundo a fonte, Mourão disse já ter dado uma sugestão para Bolsonaro, no primeiro dia de trabalho dos novos parlamentares, de ir a pé do Palácio do Planalto ao Congresso e falar a eles que tudo o que desejam dependem do Legislativo. A pressão com o Congresso se daria com base nas ideias e não nos cargos.

Para o candidato a vice, essa seria uma forma de o Congresso voltar a ter dignidade e acabar com a prática do "toma lá, dá cá". Mourão admitiu que será difícil esse novo modelo de negociação, mas que as tarefas mais difíceis são dadas aos melhores, segundo a fonte.