PUBLICIDADE
IPCA
0,64 Set.2020
Topo

Economia da zona do euro está mais fraca do que o esperado, diz presidente do BCE

15/01/2019 14h58

FRANKFURT (Reuters) - A economia da zona do euro está enfraquecendo mais do que o esperado e ainda precisa de suporte "significativo" do Banco Central Europeu (BCE), disse nesta terça-feira o presidente da instituição, Mario Draghi.

Investidores adiaram as expectativas para a primeira alta de juros do BCE desde 2011 devido à desaceleração do crescimento na zona do euro e no resto do mundo, provocada pela atividade mais fraca na China e tensões comerciais entre Pequim e Washington.

Falando ao Parlamento europeu em Estrasburgo, Draghi reconheceu que a economia tem decepcionado.

"Uma quantia significativa de estímulo de política monetária ainda é necessária para sustentar o aumento das pressões domésticas de preços e o desenvolvimento da inflação no médio prazo", disse Draghi.

O BCE prometeu manter os juros em mínimas recordes ao menos até o verão. Investidores não esperam um aumento até 2020.

"Nossa orientação futura sobre os juros do BCE, reforçada pelos reinvestimentos do estoque considerável de ativos que adquirimos, continua a fornecer o grau necessário de acomodação monetária", disse Draghi.

(Reportagem de Balazs Koranyi)