PUBLICIDADE
IPCA
0,86 Out.2020
Topo

Governo declara linhão de Tucuruí interesse nacional e quer começar obra até julho

27/02/2019 20h29

BRASÍLIA (Reuters) - O governo federal decidiu declarar a construção do linhão de Tucuruí, que ligará o Estado de Roraima ao sistema interligado nacional de energia, uma obra de interesse nacional e acelerar as licenças necessárias para iniciar a obra em julho deste ano.

De acordo com o porta-voz da Presidência, general Otávio Rêgo Barros, as questões ambientais da obra serão consideradas, mas estarão “em um bojo maior”.

“O interesse da soberania nacional se sobrepõe a outras questões”, defendeu o porta-voz, acrescentando que a intenção do governo é “conversar” com os líderes indígenas da região que até hoje têm sido o maior entrave para o início da obra.

O Estado de Roraima é o único da Federação que é separado do sistema interligado nacional e, hoje, é abastecido por energia comprada da Venezuela. O processo da obra iniciou-se em 2011 e a previsão é que estaria concluído em 2015, mas nem sequer foi iniciada.

A previsão do governo agora é começar a obra em julho deste ano. A conclusão seria em três anos.

(Reportagem de Lisandra Paraguassu)