PUBLICIDADE
IPCA
0,86 Out.2020
Topo

Cotações

Índices europeus iniciam março em alta, com destaque para Moncler

Por Julien Ponthus e Josephine Mason

01/03/2019 17h25

LONDRES, 1 Mar (Reuters) - Os principais índices acionários europeus alcançaram máximas de cinco meses nesta sexta-feira, uma vez que uma nova série de resultados corporativos ajudou a fomentar o apetite por risco depois que o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, alimentou mais cedo preocupações sobre as negociações comerciais com a China.

O índice FTSEurofirst 300 subiu 0,36 por cento, a 1.470 pontos, enquanto o índice pan-europeu STOXX 600 ganhou 0,39 por cento, a 374 pontos, depois de atingir o nível mais alto desde 8 de outubro mais cedo na sessão.

"Notícias concretas sobre um acordo entre os EUA e a China são necessárias agora para prolongar o rali nos ativos de risco", escreveu o analista da Peel Hunt Ian Williams.

Os ganhos eram generalizados entre todas as bolsas regionais, com a alemã DAX, fortemente voltada para exportações, liderando o caminho graças ao aumento nas ações de montadoras de carros.

O mercado reduziu um pouco dos ganhos à tarde, após dados mostrarem que a atividade industrial nos EUA caiu para o menor nível desde novembro de 2016.

Entre os movimentos individuais, o grupo de luxo italiano Moncler roubou os holofotes com seus resultados de 2018, subindo 11,1 por cento, no melhor dia desde janeiro de 2014.

Em LONDRES, o índice Financial Times  avançou 0,45 por cento, a 7.106 pontos.

Em FRANKFURT, o índice DAX subiu 0,75 por cento, a 11.601 pontos.

Em PARIS, o índice CAC-40 ganhou 0,47 por cento, a 5.265 pontos.

Em MILÃO, o índice Ftse/Mib teve valorização de 0,17 por cento, a 20.694 pontos.

Em MADRI, o índice Ibex-35registrou baixa de 0,11 por cento, a 9.267 pontos.

Em LISBOA, o índice PSI20 valorizou-se 1,02 por cento, a 5.238 pontos.

Cotações