Topo

Cotações


Índices europeus recuam com projeções para Hexagon e menor expectativa de corte de juros do Fed

Susan Mathew e Medha Singh

05/07/2019 14h01

(Reuters) - Os índices acionários europeus interromperam uma sequência de seis dias de ganhos nesta sexta-feira, sob o peso de dados fracos da Alemanha e de uma projeção pessimista para a sueca Hexagon, e impactados também pelos fortes dados de emprego nos Estados Unidos, que reduziram as expectativas dos investidores de um corte agressivo nos juros do Federal Reserve.

O índice FTSEurofirst 300 caiu 0,69%, a 1.536 pontos, enquanto o índice pan-europeu STOXX 600 perdeu 0,72%, a 390 pontos, limitando os ganhos da semana em 1,4%.

O índice recuou das máximas de 12 meses tocadas um dia antes, que foram alimentadas por esperanças de um afrouxamento monetário dos principais bancos centrais.

A forte recuperação na criação de empregos nos EUA em junho moderou as expectativas de que o Fed cortará a taxa de juros em 50 pontos-base este mês, o que elevou o dólar e pressionou as ações norte-americanas.

No entanto, as apostas de um corte de 25 pontos-base ainda permaneciam em jogo, já que os dados mostraram que os ganhos salariais nos EUA foram fracos.

Enquanto isso, a longa guerra comercial entre os dois países mostrou seu impacto sobre o grupo de tecnologia industrial sueco Hexagon, que anunciou um corte de 700 empregos e alertou sobre uma queda nas vendas orgânicas no trimestre.

As ações da companhia declinavam 13,6%, liderando as perdas do STOXX 600, em seu pior dia em quase nove anos. Os resultados pesavam sobre a Schneider Electric, a Siemens e a Sandvik, além do índice industrial, que recuou 1,9%, em sua pior sessão desde maio.

Em LONDRES, o índice Financial Times recuou 0,66%, a 7.553 pontos.

Em FRANKFURT, o índice DAX caiu 0,49%, a 12.568 pontos.

Em PARIS, o índice CAC-40 perdeu 0,48%, a 5.593 pontos.

Em MILÃO, o índice Ftse/Mib teve desvalorização de 0,61%, a 21.985 pontos.

Em MADRI, o índice Ibex-35 registrou baixa de 0,70%, a 9.335 pontos.

Em LISBOA, o índice PSI20 desvalorizou-se 0,33%, a 5.192 pontos.

Mais Cotações