IPCA
0,1 Out.2019
Topo

Minério de ferro sobe na China após expectativa de estímulos puxar alta no aço

09/09/2019 08h06

Por Enrico Dela Cruz

MANILA (Reuters) - Os preços de referência do minério de ferro na China devolveram perdas vistas no início da sessão desta segunda-feira, acompanhando uma alta nos futuros do aço, guiada por um movimento de Pequim para aumentar a liquidez e fortalecer sua economia e com expectativas de mais estímulos.

O minério de ferro mais negociado na bolsa de Dalian, para entrega em janeiro de 2020, fechou em alta de 1,8%, a 655,60 iuanes (91,90 dólares) por tonelada, após chegar a cair 3,6% mais cedo na sessão.

Na bolsa de Cingapura, o primeiro contrato, para outubro, chegou a cair 1,1%, para 85,04 dólares por tonelada, antes de avançar 3,5% mais tarde.

O banco central chinês disse na sexta-feira que irá reduzir o volume de recursos que bancos precisam manter como reservas pela terceira vez neste ano, liberando 900 bilhões de iuanes em liquidez para fortalecer sua economia.

Enquanto isso, as exportações da China caíram inesperadamente em agosto, com embarques para os Estados Unidos desacelerando rapidamente, apontando para maior fraqueza na segunda maior economia global e evidenciando pressão por mais estímulos à medida que a guerra comercial EUA-China se intensifica.

Mais cedo, os futuros do minério de ferro caíram após dados terem mostrado que as importações do material pela China subiram em agosto para máxima em 19 meses, na mais recente evidência de contínua recuperação após problemas do lado da oferta.

"A contínua recuperação das recentes interrupções (de produção) na Austrália e no Brasil apareceu em importações mais fortes de minério de ferro", disse a ANZ Research em nota, acrescentando que a alta está ligada à antecipação de recomposição de estoques antes do feriado do Dia Nacional, no início de outubro.

Mas a volatilidade dos preços reflete preocupações sobre perspectivas de demanda.

O analista da INTL FCStone em Londres, Edward Meir, destacou que a corretora segue cautelosa sobre os preços do minério de ferro neste mês devido às incertezas comerciais e econômicas.

O contrato mais ativo do vergalhão de aço para construção na bolsa de Xangai fechou em alta de 2,3%, a 3.497 iuanes por tonelada, maior fechamento desde 5 de agosto deste ano.

Economia