PUBLICIDADE
IPCA
0,64 Set.2020
Topo

China deixa inalterada inesperadamente taxa de empréstimo referencial

21/10/2019 07h32

XANGAI (Reuters) - A China deixou inalterada nesta segunda-feira sua nova taxa de empréstimo referencial, sugerindo que o governo quer evitar afrouxar demais a política monetária por temores de que possa elevar os já altos níveis de dívida na economia.

A Taxa de Empréstimo Preferencial (LPR, na sigla em inglês) de um ano permaneceu em 4,20%, estável ante a fixação do mês anterior. A LPR de cinco anos foi estabelecida em 4,85%, o mesmo que em setembro.

Pesquisa da Reuters na semana passada apontava expectativa de que a taxa seria reduzida de novo após cortes em agosto e no mês passado.

Frances Cheung, chefe de estratégia macroeconômia do Westpac, disse que a decisão desta segunda-fira não indica o fim dos ajustes para baixo na LPR.

"Dito isso, o resultado deve reforçar de alguma forma o sentimento de risco hoje", disse Cheung.

A decisão de deixar a LPR inalterada foi tomada poucos dias depois de a China informar que o crescimento do Produto Interno Bruto desacelerou no terceiro trimestre para a mínima em quase 30 anos.

(Reportagem de Winni Zhou e Andrew Galbraith)