PUBLICIDADE
IPCA
0,36 Jul.2020
Topo

B3 revisa projeções de alavancagem de 2019; prevê nível de 1,5 vez para 2020

13/12/2019 08h58

SÃO PAULO (Reuters) - A B3 anunciou nesta sexta-feira revisão de projeção de alavancagem financeira para 2019 para 1 vez a dívida total/Ebitda recorrente dos últimos 12 meses, versus até 1,5 vez anteriormente.

Isso aconteceu devido à decisão recente de adiar temporariamente o refinanciamento das debêntures de 1,5 bilhão de reais emitidas em 2016, com vencimento em dezembro de 2019, afirmou em fato relevante

Para o final de 2020, a B3 anunciou previsão de nível de endividamento de 1,5 vez dívida total/Ebtida recorrente dos últimos 12 meses.

A instituição ainda revisou projeção relacionada à captura de sinergias decorrentes da combinação de negócios entre a BM&FBOVESPA e a Cetip.

Agora espera capturar 110 milhões de reais por ano em sinergias de despesas a partir do ano 2020. Antes, previa o mesmo valor em 2021.

Entre 2018 a 2019, a B3 capturou 100 milhões de reais por ano em sinergias.

"A B3 espera repassar parte das sinergias capturadas aos clientes", disse em nota.

A bolsa ainda manteve projeção relacionada à distribuição do lucro líquido aos acionistas para 2019 e anunciou projeção para 2020.

A B3 tem como alvo para 2019 e 2020 distribuir de 120% a 150% do seu lucro líquido societário aos seus acionistas, na forma de juros sobre capital próprio, dividendos, recompra de ações ou outros instrumentos.