PUBLICIDADE
IPCA
0,24 Ago.2020
Topo

Consumo de gás do Brasil sobe 35,7% em novembro, impulsionado por térmicas, diz Abegás

14/01/2020 15h33

RIO DE JANEIRO (Reuters) - O consumo total de gás natural do Brasil somou 74,8 milhões de metros cúbicos/dia em novembro, alta de 35,7% ante mesmo mês do ano anterior, com impulso do setor termelétrico, apontou nesta terça-feira levantamento da Associação Brasileira das Empresas Distribuidoras de Gás Canalizado (Abegás).

Na comparação com outubro, no entanto, o consumo de gás do país registrou queda de 4,4%.

A demanda do segmento de geração térmica cresceu 156,7% em novembro na comparação com o mesmo período de 2018, para 33,9 milhões de metros cúbicos/dia, o que levou o setor a manter a liderança na utilização do insumo no mês, o que tem acontecido desde agosto.

A Abegás pontuou que a forte alta na demanda do setor ocorreu, em parte, pelo desligamento de térmicas a gás no mesmo mês de 2018, determinado pelo Comitê de Monitoramento do Setor Elétrico (CMSE).

No acumulado dos últimos 11 meses até novembro, porém, a indústria seguiu como principal consumidora de gás do país, com 28,2 milhões de metros cúbicos/dia, contra 23,7 milhões das usinas térmicas, mostraram os dados da Abegás.

O desempenho ocorre apesar de uma queda na demanda industrial em novembro, de 5,18% ante um ano antes, para 27,8 milhões de metros cúbicos/dia, "refletindo a desaceleração da produção industrial no país", apontou a Abegás.

O consumo das indústrias também caiu 2,55% frente a outubro. Já a utilização de gás para geração de energia elétrica teve em novembro retração de 6,24% na comparação com o mês anterior.

(Por Marta Nogueira)