PUBLICIDADE
IPCA
0,21 Jan.2020
Topo

Trump aumenta tarifas sobre produtos derivados de aço e alumínio de alguns países; Brasil está isento

25/01/2020 12h46

WASHINGTON (Reuters) - O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, assinou na sexta-feira um aumento das tarifas sobre produtos derivados de aço de em 25% e uma elevação de 10% nos impostos sobre produtos derivados de alumínio.

Trump disse que Argentina, Austrália, Brasil, Canadá, México e Coreia do Sul estão isentos das tarifas adicionais sobre produtos derivados de aço, e Argentina, Austrália, Canadá e México estão isentos das taxas adicionais sobre produtos derivados de alumínio.

Trump impôs tarifas sobre aço e alumínio importados para ajudar a aumentar a produção dos EUA, o que ele diz ser uma questão de segurança nacional.

Desde a imposição de tarifas, disse Trump, as importações de aço e alumínio caíram, mas as importações de produtos derivados, como pregos de aço e cabos de alumínio, aumentaram.

Trump disse que "os produtores estrangeiros desses artigos derivados aumentaram os envios desses artigos para os Estados Unidos, a fim de contornar os impostos sobre artigos de alumínio e artigos de aço". Ele disse que o aumento das tarifas entrará em vigor em 8 de fevereiro.

(Reportagem de Eric Beech)

Veja mais economia de um jeito fácil de entender: @uoleconomia no Instagram.
Ouça os podcasts Mídia e Marketing, sobre propaganda e criação, e UOL Líderes, com CEOs de empresas.
Mais podcasts do UOL em uol.com.br/podcasts, no Spotify, Apple Podcasts, Google Podcasts e outras plataformas.

Economia