PUBLICIDADE
IPCA
0,86 Out.2020
Topo

Liquidação no setor de tecnologia pesa sobre S&P 500 e Nasdaq

27/05/2020 12h05

Por Medha Singh

(Reuters) - Uma venda generalizada de ações de tecnologia pressionava os índices S&P 500 e Nasdaq nesta quarta-feira, com os investidores também cautelosos sobre o aumento das tensões entre Estados Unidos e China num momento em que as autoridades estão tentando reanimar a economia global devido à crise provocada pelo coronavírus.

Amazon.com, Microsoft e Facebook, que lideraram um rali recente, pesavam sobre o Nasdaq, enquanto os setores de saúde e tecnologia -- que têm se destacado em meio a uma queda no mercado causada pela pandemia -- estavam entre os índices do S&P 500 operando no vermelho.

Por outro lado, as ações relacionadas a viagens, incluindo companhias aéreas, empresas de cruzeiros e operadoras de hotéis, saltavam entre 2,4% e 4,5% depois de sofrerem mais cedo este ano devido a uma virtual paralisação nas viagens globais.

A flexibilização das restrições, o otimismo sobre uma eventual vacina contra o Covid-19 e estímulos sólidos dos EUA impulsionaram uma recente recuperação do mercado de ações, ajudando o S&P 500 a fechar a terça-feira em seu nível mais alto desde o início de março.

No entanto, as preocupações com as relações EUA-China limitavam os ganhos, com o presidente norte-americano, Donald Trump, dizendo que Washington anunciará sua resposta à planejada legislação de segurança nacional da China sobre Hong Kong antes do final da semana.

Às 12:05 (horário de Brasília), o índice Dow Jones subia 0,61%, a 25.149 pontos, enquanto o S&P 500 perdia 0,721981%, a 2.970 pontos. O índice de tecnologia Nasdaq recuava 2,09%, a 9.145 pontos.