PUBLICIDADE
IPCA
0,24 Ago.2020
Topo

Wall Street salta após inesperada geração de empregos em maio

05/06/2020 13h35

Por Devik Jain e Shreyashi Sanyal

(Reuters) - Wall Street saltava nesta sexta-feira, com o índice Nasdaq Composite ficando a menos de 1% de uma máxima recorde depois de dados mostrarem aumento inesperado do emprego nos Estados Unidos em maio, impulsionando esperanças de recuperação econômica mais rápida da crise causada pelo coronavírus.

Dados do Departamento do Trabalho dos EUA mostraram geração líquida de 2,509 milhões de empregos no mês passado, após fechamento recorde de 20,687 milhões de postos em abril, enquanto a taxa de desemprego caiu inesperadamente para 13,3% em maio, ante 14,7% em abril.

"É chocante, é algo refrescante de experimentar, um relatório muito positivo e muito melhor do que o esperado", disse Randy Frederick, vice-presidente de operações e derivativos da Charles Schwab.

O subíndice de bancos do S&P 500, considerado sensível à taxa de juros norte-americana, saltava 4,8%, com os rendimentos dos Treasuries subindo em reação aos dados.

Boeing disparava 9,2%, maior ganho no índice Dow Jones, em meio a esperanças de retomada nas viagens aéreas um dia depois de American Airlines Group e United Airlines informarem que iriam aumentar voos nos EUA no próximo mês.

Wall Street se recuperou acentuadamente do colapso causado pelo coronavírus em março, com investidores apostando em retomada da atividade empresarial após flexibilização de um bloqueio nacional para conter o vírus.

Às 12:10 (horário de Brasília), o índice Dow Jones subia 3,31%, a 27.152 pontos, enquanto o S&P 500 ganhava 2,42839%, a 3.188 pontos. O índice de tecnologia Nasdaq avançava 1,91%, a 9.799 pontos.