PUBLICIDADE
IPCA
0,26 Jun.2020
Topo

CORREÇÃO-Governador do DF determina fechamento da Esplanada terça e quarta

16/06/2020 14h25

(Corrige no título e 1º parágrafo para terça e quarta, em lugar do próximo fim de semana)

BRASÍLIA (Reuters) - O governador do Distrito Federal, Ibaneis Rocha, determinou o fechamento da Esplanada dos Ministérios para trânsito de pessoas e veículos nesta terça-feira e também na quarta, como forma de evitar novas manifestações no local.

De acordo com o decreto publicado nesta terça-feira em edição extra do Diário Oficial do Distrito Federal, a decisão foi tomada levando-se em conta a necessidade de evitar aglomerações em meio à epidemia de Covid-19, mas também as ameaças feitas "aos Poderes constituídos", "à Cúria Metropolitana" e "a ameaça de manifestações com conteúdos anticonstitucionais".

Só será permitido o trânsito na Esplanada a autoridades devidamente identificados e a funcionários públicos, portando identificação e que estejam em serviço.

No último sábado, Ibaneis determinou à polícia militar que retirasse da Esplanada um acompanhamento do grupo extremista 300 do Brasil e decretou o fechamento da Esplanada no domingo para impedir novas manifestações.

O ato levou o grupo --coordenado por Sara Geromini, conhecida como Sara Winter, presa na segunda-feira pela Polícia Federal no inquérito que apura o financiamento de atos antidemocráticos-- a jogar fogos de artifício no prédio do Supremo Tribunal Federal e a ameaçar ministros.

Grupos favoráveis ao presidente Jair Bolsonaro têm feito costumeiramente manifestações em defesa do governo e contra o STF e o Congresso na Esplanada, aos domingos. Normalmente, os atos reúnem algumas poucas centenas de pessoas em frente ao Palácio do Planalto. Na maior parte das vezes, o próprio Bolsonaro tem se reunido com os manifestantes.

(Reportagem de Lisandra Paraguassu)

Economia