PUBLICIDADE
IPCA
0,24 Ago.2020
Topo

Ações de bancos e energia pressionam mercado acionário europeu

18/08/2020 13h42

Por Sruthi Shankar

(Reuters) - O mercado acionário europeu fechou em baixa nesta terça-feira, com as ações de bancos e energia liderando as perdas por preocupações com as tensões entre EUA e China.

O índice FTSEurofirst 300 caiu 0,52%, a 1.425 pontos, enquanto o índice pan-europeu STOXX 600 perdeu 0,56%, a 367 pontos, depois de operar em território positivo mais cedo.

As perdas se deram apesar de o índice referencial norte-americano S&P 500 ter atingido máxima intradia, recuperando todas as perdas sofridas desde o início da crise do coronavírus em fevereiro, impulsionado por Amazon, Apple e outras empresas relacionadas a tecnologia.

"O que estamos vendo é alguma consolidação nos mercados europeus, uma vez que nos últimos dois meses temos andado mais ou menos de lado, em oposição aos EUA, onde as ações de crescimento têm impulsionado o mercado geral", disse Matthias Bausch, estrategista sênior de ativos do Commerzbank.

Entretanto, os mercados globalmente falharam em avançar depois que o governo Trump ampliou as restrições à empresa chinesa Huawei Technologies, o que aumenta as tensões entre Washington e Pequim.

A falta de avanço em relação ao estímulo econômico nos Estados Unidos também decepcionou os investidores.

Os setores de bancos e energia figuraram entre os maiores pesos para o STOXX 600, com queda de mais de 1%.

Em LONDRES, o índice Financial Times recuou 0,83%, a 6.076 pontos.

Em FRANKFURT, o índice DAX caiu 0,30%, a 12.881 pontos.

Em PARIS, o índice CAC-40 perdeu 0,68%, a 4.938 pontos.

Em MILÃO, o índice Ftse/Mib teve desvalorização de 0,52%, a 19.845 pontos.

Em MADRI, o índice Ibex-35 registrou baixa de 0,66%, a 7.043 pontos.

Em LISBOA, o índice PSI20 desvalorizou-se 0,63%, a 4.407 pontos.