PUBLICIDADE
IPCA
+0,25 Jan.2021
Topo

Butantan pode receber 20 milhões de doses adicionais da CoronaVac a partir de julho

05/02/2021 14h17

Por Eduardo Simões

SÃO PAULO (Reuters) - O Instituto Butantan pode começar a receber a partir de julho Mais 20 milhões de doses da vacina contra Covid-19 CoronaVac que estão sendo negociadas com o laboratório chinês Sinovac, disse o presidente do Butantan, Dimas Covas, nesta sexta-feira.

A informação sobre a possível compra de 20 milhões de doses adicionais da vacina, para além das 100 milhões já acertadas pelo Butantan com a Sinovac, foi revelada na quinta à Reuters pelo governador de São Paulo, João Doria (PSDB), em entrevista exclusiva.

"Nós iniciamos a negociação com a Sinovac dessa partida adicional de 20 milhões. Sim, já existe uma manifestação de disponibilidade após a integralização dos 54 milhões em termos de matéria-prima, que acontecerá em julho", disse Covas em entrevista coletiva no Palácio dos Bandeirantes, sede do governo paulista.

"Então é possível que a partir de julho nós recebamos mais matéria-prima de mais 20 milhões de doses adicionais", acrescentou.

O Butantan assinou com o Ministério da Saúde contrato para venda de um lote de 46 milhões de doses da CoronaVac até abril e um novo acordo, pelo qual a pasta exercerá a opção de compra de mais 54 milhões de doses deve ser assinado em breve.

Doria disse que os 20 milhões de doses adicionais garantirão que toda a população do Estado seja vacinada até o final do ano.