PUBLICIDADE
IPCA
+0,93 Mar.2021
Topo

Waller, do Fed, diz que economia dos EUA está "pronta para decolar"

16/04/2021 16h17

Por Ann Saphir e Jonnelle Marte e Howard Schneider

(Reuters) - A economia dos Estados Unidos deve decolar neste ano, à medida que mais norte-americanos recebem vacinas contra a Covid-19 e se sentem confortáveis para retomar uma ampla gama de atividades, mas qualquer decorrente aumento na inflação provavelmente será temporário, disse o mais novo membro do conselho do Federal Reserve (Fed, banco central dos EUA) nesta sexta-feira, ecoando a visão da maioria de seus colegas do Fed.

Um índice das expectativas de inflação divulgado nesta sexta-feira --indicador que cresceu em importância entre os formuladores de política monetária do Fed-- endossou a avaliação de Christopher Waller. O dado mostrou aumento nas expectativas de inflação no primeiro trimestre, mas não ofereceu nenhuma indicação de que elas escaparam da meta do Fed.

"Acho que a economia está pronta para decolar", disse Waller durante entrevista à CNBC. "Todo mundo está ficando muito mais confortável em ter o vírus sob controle e estamos começando a ver isso com a atividade econômica."

A economia dos EUA pode crescer 6,5% neste ano, e a taxa de desemprego pode recuar para cerca de 5% ao fim do ano, disse Waller, que se tornou no ano passado o sexto membro da diretoria do Fed, na qual um assento permanece vago.

A inflação pode acelerar para cerca de 2,5% neste ano, disse Waller, mas "qualquer aumento temporário na inflação que vemos agora não vai durar".

Os aumentos de preços devem se estabilizar à medida que gargalos causados ​​pela pandemia forem resolvidos e qualquer aumento na demanda dos consumidores que gastam seus cheques de estímulo diminuir, afirmou Waller.