PUBLICIDADE
IPCA
+0,53 Jun.2021
Topo

Programa de treinamento para jovens visa evitar 'cicatriz', diz secretário

Em discurso na OIT, Bianco também defendeu reformas para aperfeiçoar a governança da entidade - Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil
Em discurso na OIT, Bianco também defendeu reformas para aperfeiçoar a governança da entidade Imagem: Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil

Em Brasília

15/06/2021 13h01

O programa de treinamento de jovens no emprego a ser lançado pelo governo visa evitar o "efeito cicatriz" para a geração que tentará entrar no mercado de trabalho no pós-pandemia, afirmou o secretário especial de Previdência e Trabalho, Bruno Bianco, durante reunião plenária da OIT (Organização Internacional do Trabalho) hoje.

A expressão se refere aos prejuízos profissionais de longo prazo sofridos por trabalhadores que ingressam no mercado em situações adversas.

"Para ajudar na transição para o mundo pós-pandemia, o governo brasileiro está próximo de anunciar medidas que incentivam o primeiro emprego de jovens por meio do pagamento de uma bolsa vinculada ao treinamento desses jovens por empresas privadas, evitando o que conhecemos como 'efeito cicatriz', que pode afetar a trajetória laboral daqueles que buscam a entrada no mercado de trabalho em um momento tão conturbado", disse Bianco.

O ministro da Economia, Paulo Guedes, anunciou em maio que o programa deverá prever o pagamento de R$ 600 aos jovens beneficiados, que receberão treinamento profissional dentro das empresas. O valor será dividido igualmente entre governo e empresas participantes.

Em seu discurso na OIT, Bianco também defendeu reformas para aperfeiçoar a governança da entidade, que faz parte do sistema ONU (Organização das Nações Unidas).