PUBLICIDADE
IPCA
+0,53 Jun.2021
Topo

Guedes: Se pandemia persistir até outubro, auxílio será novamente estendido

Guedes participa hoje de reunião na Comissão Temporária da Covid-19 do Senado - Edu Andrade/Ministério da Economia
Guedes participa hoje de reunião na Comissão Temporária da Covid-19 do Senado Imagem: Edu Andrade/Ministério da Economia

José de Castro

Em São Paulo

25/06/2021 11h59Atualizada em 25/06/2021 13h07

O ministro da Economia, Paulo Guedes, disse hoje que, se a pandemia persistir até outubro, quando terminará mais uma renovação do auxílio emergencial, o benefício será estendido novamente.

O ministro disse ainda que na próxima segunda-feira (28) deverá voltar a divulgar um "bom" número de geração de empregos. Ele se referia aos dados do Caged, que compila números de postos formais de emprego, de maio.

Guedes voltou a destacar o crescimento da economia, acompanhado de geração de empregos e de queda da dívida pública em relação ao PIB (Produto Interno Bruto). Segundo o ministro, esse número deve cair a 84% ao fim deste ano.

O ministro participa de reunião mensal na Comissão Temporária da Covid-19 do Senado.