PUBLICIDADE
IPCA
-0,68 Jul.2022
Topo

Peso argentino no mercado paralelo cai a mínima de 300 por dólar--operadores

19/07/2022 13h20

BUENOS AIRES (Reuters) - O peso argentino negociado no mercado paralelo, também conhecido como "blue", atingiu a barreira psicológica de 300 por dólar nesta terça-feira, dia de negócios reduzidos e sem vendedores genuínos da moeda norte-americana, disseram operadores.

O peso argentino informal perdia 3% em relação ao pregão anterior, com desvalorização acumulada de 30,69% neste ano, ante inflação de 32% no mesmo período, segundo estimativas privadas.

As pessoas recorrem ao mercado paralelo devido às restrições de acesso ao mercado cambial oficial e devido à clara tendência de queda do peso negociado no mercado interbancário, em meio a uma inflação que pode chegar a 80% neste ano, à elevada emissão monetária e às tensões na coalizão do governo.

O peso interbancário, também chamado de "mayorista", caía 0,19%, para 129,13/129,15 por dólar, o que aumenta a diferença com o mercado paralelo para 132,29%.

"O aumento do 'gap' denota maior tensão no mercado cambial e gera pressões de desvalorização da taxa de câmbio oficial", disse a Universidade Nacional de Avellaneda (UNDAV).

(Por Walter Bianchi e Hernán Nessi)