IPCA
0,83 Abr.2024
Topo

Proprietária do Burger King nomeia novo presidente-executivo para impulsionar recuperação

Lanchonete Burguer King em Porto Alegre (RS) - 10.nov.2013 - Luciano Leon/Futura Press/Estadão Conteúdo
Lanchonete Burguer King em Porto Alegre (RS) Imagem: 10.nov.2013 - Luciano Leon/Futura Press/Estadão Conteúdo

Hilary Russ e eborah Sophia

Em Nova York (EUA)

14/02/2023 16h05Atualizada em 14/02/2023 16h41

A Restaurant Brands International nomeou hoje um novo presidente-executivo para acelerar um plano de recuperação de sua marca Burger King, que passa por dificuldades.

A empresa, que também é dona da Popeyes, Tim Hortons e Firehouse Subs, ficou ligeiramente abaixo das estimativas de lucro de Wall Street para o quarto trimestre encerrado em 31 de dezembro, devido em parte às despesas operacionais mais altas. Suas ações caíram mais de 3,5%.

O veterano da empresa e atual diretor operacional, Joshua Kobza, assumirá o cargo de presidente-executivo em 1º de março, substituindo Jose Cil, que está no comando desde 2019 e permanecerá na empresa por um ano como consultor.

Sob a gestão de Cil, o Burger King modernizou sua identidade visual. Em setembro de 2022, a rede anunciou um plano de recuperação de 400 milhões de dólares para aumentar a publicidade, trazer novos equipamentos de cozinha e remodelar restaurantes.

"Definitivamente, algumas operadoras estão lutando", disse Kobza à Reuters em entrevista por telefone. "Se houver reestruturações, estaremos intimamente envolvidos nelas", para ajudar a preparar os franqueados para o sucesso, disse ele.

Crescimento Superior

Os resultados desta terça-feira "demonstram que as iniciativas da empresa para impulsionar o crescimento da receita em todas as marcas parecem estar progredindo", escreveu Jon Tower, analista do Citi. Mas a empresa ainda será pressionada pela inflação e pelos investimentos para impulsionar as vendas, escreveu ele.

A receita total aumentou cerca de 9%, para 1,69 bilhão de dólares no quarto trimestre, em comparação com estimativas de 1,67 bilhão de dólares, segundo dados IBES da Refinitiv.

Excluindo itens, a companhia ganhou 72 centavos por ação, em comparação com as expectativas de 73 centavos.

As vendas comparáveis globais aumentaram quase 8% no trimestre, lideradas por um crescimento de 11% na Tim Hortons Canada e Burger King International - particularmente na França, Espanha, Austrália, Brasil e Reino Unido, ajudando a compensar o estresse na China.