IPCA
0,42 Fev.2024
Topo

Mercado acionário europeu inicia trimestre com fraqueza diante de temores com inflação

03/04/2023 13h51

Por Shubham Batra e Bansari Mayur Kamdar

(Reuters) - As ações europeias mostraram fraqueza nesta segunda-feira, enquanto o índice britânico FTSE 100, pesado em commodities, avançou depois de nomes fortes do setor petrolífero terem saltado após anúncio inesperado da Opep+ de cortar a produção.

O índice pan-europeu STOXX 600 fechou em queda de 0,03%, a 457,72 pontos, depois que o salto nos preços do petróleo alimentou temores de inflação persistente.

Os preços do petróleo subiram mais de 5% depois que a Organização dos Países Exportadores de Petróleo e seus aliados, incluindo a Rússia, anunciaram no domingo novos cortes na produção de cerca de 1,16 milhão de barris por dia.

Ações de petróleo e gás tiveram os maiores ganhos, com o subíndice subindo 4%, seu melhor desempenho diário em mais de quatro meses.

O FTSE 100 de subiu 0,5%, sustentado por ganhos de mais de 4% nas petrolíferas BP e Shell.

O aumento nos rendimentos dos títulos dos EUA e da Europa pesou sobre as ações de tecnologia, sensíveis aos juros, que caíram 1%.

Em LONDRES, o índice Financial Times avançou 0,54%, a 7.673,00 pontos.

Em FRANKFURT, o índice DAX caiu 0,31%, a 15.580,92 pontos.

Em PARIS, o índice CAC-40 ganhou 0,32%, a 7.345,96 pontos.

Em MILÃO, o índice Ftse/Mib teve valorização de 0,24%, a 27.179,37 pontos.

Em MADRI, o índice Ibex-35 registrou baixa de 0,81%, a 9.157,40 pontos.

Em LISBOA, o índice PSI20 valorizou-se 0,53%, a 6.078,72 pontos.