IPCA
0,42 Fev.2024
Topo

Citigroup supera estimativas com maior receita proveniente de empréstimos

14/04/2023 13h57

Por Tatiana Bautzer e Mehnaz Yasmin

(Reuters) - O lucro do primeiro trimestre do Citigroup superou as expectativas de Wall Street, à medida que ganhou mais com os mutuários, que pagam juros mais altos sobre os empréstimos.

Enquanto sua receita líquida de juros aumentou 23%, para 13,3 bilhões de dólares, o Citi também reservou 241 milhões de dólares para cobrir possíveis perdas com empréstimos, ante 138 milhões de dólares no ano anterior, de acordo com seus resultados divulgados nesta sexta-feira.

O Citi ganhou 1,86 dólar por ação no primeiro trimestre, superando a estimativa média dos analistas de 1,67 dólar, segundo dados da Refinitiv.

O lucro líquido aumentou 7%, para 4,6 bilhões de dólares, ou 2,19 dólares por ação, nos três meses até 31 de março, ante 4,3 bilhões de dólares, ou 2,02 dólares por ação, um ano antes.

O banco espera que mais clientes fiquem inadimplentes nos próximos trimestres, já que uma leve recessão se aproxima da segunda metade do ano, disse o diretor financeiro Mark Mason.

Os atrasos no pagamento do cartão de crédito estão aumentando, mas ainda estão abaixo dos níveis anteriores à pandemia, acrescentou Mason.

Os depósitos do Citi ficaram praticamente estáveis em 1,33 trilhão de dólares em relação ao trimestre e ao ano anterior, à medida que os investidores transferiam seu dinheiro para fundos do mercado monetário em busca de maiores rendimentos. Mas Mason disse que o banco viu um aumento nos depósitos em março, principalmente de empresas.

Thomas Hayes, presidente e membro administrativo da Great Hill Capital, disse que o Citi apresentou o crescimento mais fraco dos três principais bancos que divulgaram resultados nesta sexta-feira, mas ainda superou as expectativas e conseguiu recomprar 1 bilhão de dólares em ações.

O investimento do banco em serviços para pessoas jurídicas resultou em crescimento de 31% nas receitas em soluções de tesouraria e comércio.

Mason expressou otimismo cauteloso sobre uma recuperação no banco de investimento. A receita da divisão caiu 25% em relação ao ano anterior, pressionada pelo mercado de negociações mais lento em mais de uma década.

(Por Mehnaz Yasmin, Bansari Kamdar e Tatiana Bautzer)