IPCA
0,46 Jul.2024
Topo

Números da economia nacional estão mais próximos do lado "otimista", diz Haddad

22/05/2023 13h59

BRASÍLIA (Reuters) -O ministro da Fazenda, Fernando Haddad, disse nesta segunda-feira acreditar que a economia do país está mais próxima de "números otimistas" estimados por sua pasta do que das projeções de analistas em pesquisa compilada pelo Banco Central, e afirmou que haverá uma convergência entre as diferentes estimativas ao longo do ano.

"Eu acho que nós estamos mais próximos dos números mais otimistas da economia. Mas enfim, a economia sempre surpreende, às vezes surpreende pra bem, às vezes não. Mas eu penso que nós vamos ter uma convergência de números ao longo do ano", disse Haddad a jornalistas na sede do Ministério.

Questionado sobre a diferença entre as projeções para o Produto Interno Bruto (PIB) do relatório Focus do BC e as estimativas da Fazenda sobre o indicador, o ministro citou outras previsões de instituições financeiras que reforçam o cenário projetado pela pasta.

"É que o Focus vai ficando otimista ao longo do ano... Vai crescendo. Você poderia, por exemplo, consultar as projeções do Bradesco..., as projeções do Itaú... A Focus é uma pesquisa, mas tem muita gente fazendo conta."

O mais recente cenário econômico do Bradesco, publicado no fim de abril, previa expansão de 1,8% da atividade em 2023, enquanto a projeção do Itaú no início de maio era de crescimento de 1,4% no período.

Mais cedo nesta segunda-feira, a pesquisa semanal do BC mostrou que o mercado revisou para cima o prognóstico para o PIB de 2023 a expansão de 1,20%, de 1,02% calculado na semana passada. Na última quinta-feira, Haddad afirmou que a Fazenda iria rever a projeção do crescimento da atividade brasileira para este ano de 1,6% para 1,9%.

(Por Victor Borges; edição de Luana Maria Benedito)