Engie Brasil não fará pausa no ritmo de aquisições de projetos, diz CFO

SÃO PAULO (Reuters) - A Engie Brasil Energia não pausará seu ritmo de aquisição de projetos depois da compra de parques de geração solar anunciada na semana passada, disse nesta terça-feira o diretor-financeiro da companhia, Eduardo Takamori.

Em teleconferência para comentar os resultados trimestrais, o executivo afirmou que a companhia continuará perseguindo oportunidades de aquisição que sejam compatíveis com sua estratégia e sua estrutura de capital.

Na semana passada, a Engie Brasil anunciou a compra de conjuntos fotovoltaicos do Atlas com capacidade instalada total de 545 MWac, por 3,24 bilhões de reais, incluindo dívidas, à medida que a empresa busca avançar em energias renováveis no país.

Takamori comentou ainda na teleconferência que a Engie Brasil tem dois projetos de geração hídrica aptos a participar de leilão de reserva de capacidade. Segundo ele, a empresa está avaliando participar do certame, assim como outras oportunidades de contratar a energia de seus ativos de geração com compromissos de longo prazo.

(Por Letícia Fucuchima)

Veja também

Deixe seu comentário

Só para assinantes