Petrobras inicia perfuração em poço na Margem Equatorial

SÃO PAULO (Reuters) - A Petrobras informou neste sábado que iniciou a perfuração do poço Pitu Oeste, marcando a retomada dos esforços da empresa para exploração de petróleo e gás na chamada Margem Equatorial.

A Margem Equatorial é uma área que se estende ao longo da costa brasileira desde o Estado do Rio Grande do Norte até o Amapá, de acordo com a empresa.

A perfuração do poço, localizado a 53 quilômetros da costa do Rio Grande do Norte, levará de três a cinco meses.

Com o poço Pitu Oeste, a Petrobras espera obter mais informações geológicas da área, permitindo à empresa confirmar a extensão da descoberta de petróleo feita em 2014.

Em outubro, o Ibama concedeu uma licença ambiental para que a Petrobras perfurasse dois poços exploratórios em águas profundas na Margem Equatorial brasileira.

De acordo com o plano estratégico da Petrobras para o período 2024-2028, a empresa estima um investimento de 3,1 bilhões de dólares para pesquisa de petróleo e gás na Margem Equatorial, com a perfuração de 16 poços na região.

(Reportagem de Ana Mano)

Veja também

Deixe seu comentário

Só para assinantes