Wall Street sobe em penúltimo pregão do ano com corte dos juros em foco

Por Shubham Batra e Amruta Khandekar

(Reuters) - As ações dos EUA subiam marginalmente em negociações esvaziadas no penúltimo pregão de 2023, com o índice de referência S&P 500 pairando em torno de seu recorde histórico com esperanças de cortes antecipados nas taxas de juros no próximo ano.

Oito dos onze subíndices do S&P eram negociados em alta, com o setor de saúde liderando os ganhos, com avanço de 0,5%.

O índice de energia recuava 0,4%, depois que os preços do petróleo caíram cerca de 1% nesta quinta-feira com a diminuição das preocupações sobre as interrupções no transporte marítimo ao longo da rota do Mar Vermelho, mesmo com as tensões no Oriente Médio continuando a se agravar. [O/R]

Os três principais índices de Wall Street oscilaram entre ganhos e perdas modestos na sessão anterior, com poucas notícias que movimentaram o mercado, mas terminaram o dia em alta. Eles estão em curso para ganhos mensais, trimestrais e anuais.

O S&P 500 ficou a um passo de quebrar seu recorde de fechamento de janeiro, de 4796,56. O Nasdaq 100, de alta tecnologia, também está a caminho de registrar seu melhor ano desde 1999.

O otimismo em torno dos cortes antecipados nas taxas, com uma possível aterrissagem suave para a economia americana, e o frenesi da inteligência artificial impulsionaram uma alta nas ações dos EUA em 2023, mas os temores de desaceleração da economia ainda persistem à medida que o efeito total dos custos mais altos dos empréstimos é filtrado.

Relatório do Departamento do Trabalho indicou um enfraquecimento do mercado de trabalho dos EUA, com os pedidos iniciais de auxílio-desemprego estaduais subindo para 218.000 na semana encerrada em 23 de dezembro, acima das expectativas de 210.000 pedidos.

"Eles (os dados) estão mostrando alguns sinais de desaceleração, o que justifica a necessidade de mais acomodação do Fed mais cedo", disse Thomas Hayes, presidente da Great Hill Capital LLC.

Continua após a publicidade

Os mercados monetários precificavam uma probabilidade de cerca de 87% de uma redução de pelo menos 25 pontos-base na taxa básica de juros do Fed em sua reunião de política monetária de março, de acordo com a ferramenta FedWatch da CME.

Às 12:26 (de Brasília), o índice S&P 500 ganhava 0,12%, a 4.787,12 pontos, enquanto o Dow Jones subia 0,17%, a 37.719,79 pontos. O índice de tecnologia Nasdaq Composite avançava 0,12%, a 15.118,04 pontos.

Veja também

Deixe seu comentário

Só para assinantes