Wall St fecha em baixa depois de Fed manter juros estáveis e descartar corte em março

Por Stephen Culp

NOVA YORK (Reuters) - As ações nas bolsas dos Estados Unidos fecharam em forte queda no último dia de negociação de janeiro, depois que o Federal Reserve manteve a taxa de juros estável, reiterando que, apesar do progresso, os riscos de inflação permanecem e frustrando esperanças de um corte na taxa básica já em março.

Os três principais índices acionários dos EUA já estavam pressionados pela fraqueza das ações de megacapitalização do setor de tecnologia, um dia após resultados decepcionantes da Alphabet.

Os três índices caíram após o anúncio e continuaram a oscilar em baixa durante a coletiva de imprensa do chair do Fed, Jerome Powell. O índice S&P 500 fechou com sua maior perda diária desde 21 de setembro.

Todos os três índices registraram ganhos no mês, no entanto.

Como esperado, o Comitê Federal de Mercados Abertos (Fomc, na sigla em inglês) deixou sua taxa básica inalterada em 5,25% a 5,50%, em um cenário de arrefecimento gradual da inflação e uma economia resiliente.

Em sua declaração, o Comitê disse que "não espera que seja apropriado reduzir o intervalo da taxa básica até que tenha adquirido maior confiança de que a inflação está se movendo de forma sustentável em direção a 2%", decepcionando investidores que esperavam uma rápida mudança para uma abordagem mais branda.

"Não houve surpresas na declaração do Fed", disse Oliver Pursche, vice-presidente sênior da Wealthspire Advisors. "Parece que novos aumentos dos juros estão fora de cogitação, o que é positivo, mas os investidores devem continuar a esperar mais altas por mais tempo, já que ainda estamos muito longe do tipo de dados econômicos que levariam o Fed a reduzir os juros."

Os índices oscilaram depois que Powell, disse que o Comitê estava confiante de que seria apropriado reduzir os juros assim que tivesse a confirmação de que a inflação havia sido controlada, mas efetivamente descartou um corte na taxa básica em março.

Continua após a publicidade

O Dow Jones caiu 0,82%, para 38.150,30 pontos. O S&P 500 perdeu 1,61%, para 4.845,65 pontos. O índice de tecnologia Nasdaq perdeu 2,23%, para 15.164,01 pontos.

Todos os 11 principais índices de ações dos EUA terminaram no território negativo, com os setores de serviços de comunicação e de tecnologia sofrendo as maiores perdas percentuais.

Veja também

Deixe seu comentário

Só para assinantes