PUBLICIDADE
IPCA
1,35% Dez.2020
Topo

Desemprego sobe 6,4% na indústria e 4,4% na construção civil, aponta IBGE

23/10/2014 10h56Atualizada em 23/10/2014 11h49

Dados do IBGE mostram que caiu o número de empregados na indústria e na construção civil das seis principais regiões metropolitanas do país em setembro. A queda do emprego nesses setores foi parcialmente compensada pela alta no setor de serviços.

Na comparação com agosto, a indústria demitiu 59 mil pessoas no mês passado, uma queda de 1,7% na força de trabalho do setor. No confronto com o mesmo período do ano passado, houve um tombo: queda de 6,4% ou demissão de 238 mil empregados.

São Paulo, região mais industrializada do país, lidera as demissões no setor, com menos 37 mil empregados ante agosto e menos 137 mil ante setembro de 2013.

Na construção civil, o desemprego atingiu 63 mil pessoas ante agosto (-3,5%), e na comparação com o mesmo período do ano passado a baixa foi de 81 mil (-4,4%).

São Paulo, Porto Alegre e Belo Horizonte lideraram as demissões nesse setor.

O comércio demitiu 5.000 pessoas ante agosto, mas teve saldo positivo de 22 mil em relação a setembro do ano passado.

Serviços prestados às empresas, educação, saúde e administração pública, serviços domésticos e outros serviços tiveram saldo positivo no emprego.

O IBGE informou nesta quinta-feira que a taxa de desemprego média das seis regiões atingiu 4,9% em setembro, a menor para o mês desde o início da série histórica da pesquisa, em 2002.