Bolsas

Câmbio

Bovespa fecha em baixa diante de cautela dos investidores e Petrobras

O Ibovespa fechou em baixa de 3,52% aos 48.780 pontos em um dia em que os investidores decidiram manter a cautela no mercado financeiro. As apostas no impeachment da presidente Dilma Rousseff diminuíram e os investidores aproveitaram para realizar lucros.

Apenas duas ações tiveram alta: Rumo Logística (2,35%) e Fibria ON (2,35%).

As maiores baixas foram Petrobras PN (-9,33%), Petrobras ON (-8,83%), Braskem PNA (-7,94%), Gerdau PN (-7,85%) e Usiminas PNA (-7,82%).

Depois de subir mais de 60% em março, os investidores estrangeiros começaram a vender os papéis da Petrobras para embolsar os lucros acumulados. A queda nos preços começou pela manhã com a notícia de que a Petrobras poderia anunciar hoje a redução de preços da gasolina e do diesel.

No cenário político, o impeachment ainda é o cenário base dos investidores, mas há mais dúvidas se ele ocorrerá no curto prazo. Os papéis das instituições financeiras, os mais líquidos do pregão e os que mais indicam apostas na saída da presidente operavam em baixa.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos