Bolsas

Câmbio

Queda de encomendas no Brasil pressiona resultado trimestral da ABB

Os resultados da suíça ABB do terceiro trimestre foram afetados, entre outros motivos, pela queda nas encomendas no Brasil. Segundo o balanço da companhia, que atua nos segmentos de tecnologia de energia e automação, as encomendas no Brasil tiveram queda de 33% no terceiro trimestre, na comparação anual.

Entre os 20 países na qual a ABB tem maior volumes de encomendas, o Brasil só perdeu para Noruega (queda de 36%) e Arábia Saudita (redução de 46%).

A ABB apurou queda de 2% no lucro no trimestre, para US$ 568 milhões. A receita caiu 3%, para US$ 8,25 bilhões, em relação a igual período do ano passado.

Na divisão de produtos e sistemas elétricos, as encomendas caíram 4%, para US$ 2,22 bilhões. Segundo a companhia, as maiores baixas foram registradas no Brasil, Turquia, China e Arábia Saudita. Na contramão, o desempenho na Suíça e na Índia foi mais forte no período.

Na divisão de produtos de energia e automação, as encomendas caíram 21%, para R$ 2,4 bilhões, também refletindo problemas nos mercados no Brasil, na Arábia Saudita e nos Estados Unidos.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos