Bolsas

Câmbio

Ibovespa segue mau humor externo e abre o dia em queda

O Ibovespa abre em queda, acompanhando mau humor externo e aproveitando para realizar lucros. O índice caía 0,67% às 10h15, para 65.591 pontos, com investidores reagindo às medidas de Donald Trump contra imigração, que atraíram críticas de líderes globais.

Trump proibiu cidadãos de sete países de entrarem nos EUA (Iraque, Iêmen, Irã, Síria, Líbia, Somália e Sudão), além de suspender por 120 dias o recebimento de qualquer refugiado no país. As medidas foram duramente criticadas por Chefes de Estado e foram alvo de uma onda de protestos.

O Ibovespa subiu 9,6% no ano, até sexta-feira. A queda, que segue o exterior, mostra realização de lucros nos destaques. As maiores baixas são variadas, mas contam com os papéis que mais sobem no ano, como Usiminas PNA (-2,3%), Gerdau Metalúrgica PN (-1,74%), Cyrela ON (-1,57%) e CSN (-1,4%). BB ON também entra na lista, com perda de 1,43%, depois de ter disparado na semana passada, com elevação de recomendação pelo Credit Suisse. Bradespar PN sobe 42% no ano, Usiminas PNA ganha 24%, Cyrela sobe 22% e Gerdau Metalúrgica PN avança 18,1%.

A safra de balanços do quarto trimestre continua nesta segunda-feira com a fabricante de celulose Fibria e a companhia de máquinas de cartão de crédito Cielo, depois do fechamento do mercado.

As ações de papel e celulose sobem nesta segunda, se recuperando as perdas no ano. Suzano sobe 0,79%, Fibria ON avança 0,25% e Klabin Unit ganha 0,30%. No ano, Klabin cai 5,9%, Suzano perde 1,76% e Fibria recua 0,88%.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos