Bolsas

Câmbio

Exportação de resina termoplástica sobe 32% em 2016 e puxa produção

As exportações de resinas termoplásticas subiram 31,7% no ano passado, para 1,92 milhão de toneladas, e foi fundamental para o avanço de 5,7% da produção nacional, para 6,24 milhões de toneladas, de acordo com dados da Associação Brasileira da Indústria Química (Abiquim).


No ano, as vendas internas de resinas somaram 4,41 milhões de toneladas, com crescimento de 1,1%, enquanto a importação recuou 2,5%, a 1,45 milhão de toneladas. Já o consumo aparente nacional das principais resinas, medida pela soma das vendas internas e das importações menos as exportações, registrou retração de 2,8%, para 5,76 milhões de toneladas.


De acordo com a diretora de Economia e Estatística da Abiquim, Fátima Giovanna Coviello Ferreira, as exportações foram favorecidas pelo câmbio, pelo crescimento em outros mercados e pelo momento favorável do ciclo petroquímico. Além disso, as empresas buscaram ampliar as vendas externas para manter o ritmo de operação nas fábricas.


Na avaliação da diretora da Abiquim, os números mostram que o mercado parou de cair, mas ainda está estagnado. "Dada a capilaridade das resinas termoplásticas em termos da diversificação de aplicações em diversas cadeias, a se manter o ritmo de fechamento dos dados do quarto trimestre do ano passado, a demanda deve voltar a apresentar algum crescimento neste ano", diz em nota.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos