Bolsas

Câmbio

Produção mundial de aço avança em outubro, aponta Worldsteel

As siderúrgicas produziram 145,3 milhões de toneladas de aço bruto durante outubro, informou nesta quarta-feira (22) a Worldsteel Association, que acompanha dados de 66 países. Na comparação anual, a alta foi de 5,9%, enquanto sobre setembro houve alta de 2,7%.


Mais uma vez o crescimento foi puxado pela maior atividade da China, maior fabricante global. A produção chinesa foi de 72,4 milhões de toneladas durante o mês passado, 6,1% a mais do que no mesmo período de 2016. Em relação a setembro, o aumento foi de 0,7%.


Os números da China mostram que, apesar de o governo ter fechado algumas usinas menos eficientes e poluentes até o fim do primeiro trimestre, o setor segue aquecido no país. O volume ainda é menor do que o recorde histórico de 74,6 milhões de toneladas, batido em agosto, mas segue relevante.


A Worldsteel mostrou também que a produção brasileira de aço bruto ? cuja divulgação oficial pelo Instituto Aço Brasil ainda não ocorreu neste mês ? totalizou 3,05 milhões de toneladas em outubro. A alta em comparação anual é de 3,9% e, frente ao mês imediatamente anterior, de 2,9%.


Ao mesmo tempo, no restante da Ásia excluindo-se os chineses, foram produzidas 27,5 milhões de toneladas, 4,7% acima do nível observado em outubro de 2016 e crescimento de 5,2% frente a setembro de 2017. Os maiores avanços vieram da Índia, da Coreia do Sul e do Vietnã.


A associação ainda revelou patamar de 6,98 milhões de toneladas produzidas nos Estados Unidos, forte aumento em bases anuais de 12% e incremento de 3,9% sobre o mês imediatamente anterior. A União Europeia produziu 14,7 milhões de toneladas, 3,4% a mais do que em igual período de 2016 e alta de 7% ante setembro.


Na Rússia, foram produzidas 6,2 milhões de toneladas de aço bruto, aumentos de 5% e 3,3%, respectivamente.


De janeiro a outubro, o mundo produziu 1,41 bilhão de toneladas de aço, 5,6% acima dos mesmos meses de 2016. Só a China fabricou 709,5 milhões de toneladas, crescimento de 6,1%.


Ainda conforme a Worldsteeel, o uso de capacidade instalada da siderurgia mundial fechou o mês passado em 73%. O índice representa piora em relação a setembro, quando foi a 73,6%, mas evolução sobre outubro do ano passado, no qual a utilização era de 70%.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos