Bolsas

Câmbio

Petrobras ainda é alvo de 13 ações individuais nos Estados Unidos

A Petrobras ainda é alvo de 13 ações individuais movidas por investidores na Justiça dos Estados Unidos, depois de ter fechado acordos para encerrar 21 processos.


A estatal anunciou na manhã desta quarta-feira (3) que chegou a um acordo para encerrar a ação coletiva na Justiça dos Estados Unidos. Para isso, vai pagar US$ 2,95 bilhões em indenizações aos investidores.


Para encerrar as 21 ações individuais, a companhia provisionou US$ 448 milhões.


No caso das 13 que sobraram, é possível que os investidores decidam aproveitar o acordo da ação coletiva e fechem negociações em condições semelhantes. Não é possível "aderir à classe", mas sim fechar acordos separados com valores semelhantes.


O acordo da ação coletiva ainda precisa ser homologado pelo juiz Jed Rakoff, do Tribunal do Distrito Sul de Nova York. Depois disso, será feito o cálculo da indenização por ação e por título da dívida.


Terão direito ao recebimento todos os que negociaram ADRs (recibos de ações) da Petrobras na Bolsa de Nova York entre janeiro de 2010 e julho de 2015. Também são membros da classe os que negociaram os títulos da dívida emitidos em 2014 e 2015 pela companhia.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos