Bolsas

Câmbio

BR Distribuidora tem processos no TST similares ao da Petrobras

A BR Distribuidora informou, nesta sexta-feira, que possui processos trabalhistas no Tribunal Superior do Trabalho (TST) com perfil similar ao da Petrobras, mas que aguarda a publicação da decisão para analisar a "aplicabilidade" à companhia.

Ontem, o TST proferiu decisão desfavorável à Petrobras por ações trabalhistas que visam a revisão do critério de cálculo do Complemento daRemuneração Mínima por Nível e Regime (RMNR) a funcionários.

Segundo comunicado, os processos correspondentes à BR estão classificados como perda provável, possível e remota no formulário de referência 2018.

No documento, divulgado no dia 30 de maio, consta um processo trabalhista movido por empregados em virtude da adoção pela companhia da RMNR no total de R$ 106,4 milhões.

Há ainda outros processos trabalhistas, como um por créditos supostamente não honrados no montante de R$ 299,1 milhões; outro de terceirização ilícita de R$ 43,1 milhões, e um de R$ 21,2 milhões referente a reajustes a planos econômicos, Bresser e Verão.

"Por fim, não há impactos financeiros e econômicos imediatos para a companhia", reiterou a BR Distribuidora no texto.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos