PUBLICIDADE
IPCA
1,16 Set.2021
Topo

Todos a Bordo

REPORTAGEM

Texto que relata acontecimentos, baseado em fatos e dados observados ou verificados diretamente pelo jornalista ou obtidos pelo acesso a fontes jornalísticas reconhecidas e confiáveis.

Itapemirim atrasa estreia na aviação e mostra pintura amarela do 1º avião

Avião da Itapemirim terá a fuselagem toda amarela, mesmo esquema de cores dos ônibus da empresa - Douglas Cavalcanti/Divulgação
Avião da Itapemirim terá a fuselagem toda amarela, mesmo esquema de cores dos ônibus da empresa Imagem: Douglas Cavalcanti/Divulgação

Vinícius Casagrande

Colaboração para o UOL, em São Paulo

12/03/2021 14h50

Nova companhia aérea brasileira, a Itapemirim Transportes Aéreos apresentou nesta sexta-feira (12) o seu primeiro avião com a nova pintura da companhia aérea. A Itapemirim pretendia ter iniciado suas operações no dia 1º deste mês, mas o processo está atrasado e a empresa não tem uma nova data para os primeiros voos.

Seguindo o estilo dos ônibus do grupo, o Airbus A320 da Itapemirim tem a fuselagem inteira na cor amarela com o nome da empresa na cor preta. Na cauda do avião, o esquema de cores se inverte com o predomínio do preto e as iniciais ITA em amarelo. Na parte traseira da fuselagem, há também o logotipo da Itapemirim em preto.

Em entrevista ao UOL em dezembro, o presidente da Itapemirim, Sidnei Piva, afirmou que a expectativa era ter todos os aviões já em janeiro, mas houve atraso na entrega por causa da pandemia de covid-19. A empresa pretende iniciar suas operações com dez aviões, mas até o momento apenas um já chegou ao Brasil.

O primeiro avião pousou no Brasil no dia 20 de fevereiro e, desde então, está em São José dos Campos (SP). O Airbus A320 está sendo preparado para os voos de certificação junto à Anac (Agência Nacional de Aviação Civil) para obter o COA (Certificado de Operador Aéreo).

Segundo a Anac, o processo de autorização da nova companhia aérea brasileira está na fase 4. "É a fase prática do processo em que ocorrem as inspeções das bases de operações e manutenção, avaliação dos treinamentos, voos de avaliação operacional e exame dos tripulantes, por exemplo", afirmou a agência.

Cauda do avião da Itapemirim será preta com a marca ITA em amarelo - Douglas Cavalcanti/Divulgação - Douglas Cavalcanti/Divulgação
Cauda do avião da Itapemirim será preta com a marca ITA em amarelo
Imagem: Douglas Cavalcanti/Divulgação

Mais espaço para passageiro

O primeiro A320 da frota da Itapemirim voava anteriormente pela companhia aérea espanhola de baixo custo Vueling. Além da pintura, o avião também deve receber uma nova configuração interna.

Em entrevista ao UOL em dezembro, o presidente da Itapemirim afirmou que os aviões da empresa serão configurados com mais espaço entre as poltronas, o que vai reduzir a capacidade máxima para cerca de 160 lugares. Na Vueling, o avião tinha capacidade para 180 passageiros.

Segundo Piva, a intenção é criar uma companhia aérea que se diferencia no serviço prestado ao passageiro. Por isso, o objetivo é entregar um avião com mais espaço e serviço de bordo mais elaborado.

O voo inaugural deverá ser com convidados entre Vitória (ES) e Brasília (DF). Outras cidades que deverão ser atendidas pela nova companhia aérea logo no início das operações serão São Paulo, Ribeirão Preto (SP), Presidente Prudente (SP), Rio de Janeiro, Porto Alegre (RS), Curitiba (PR), Foz do Iguaçu (PR), Florianópolis (SC), Salvador (BA), Fortaleza (CE) e Goiânia (GO). "Queremos atender todas as capitais", afirmou Piva.

O primeiro avião é uma homenagem ao próprio presidente da empresa. A matrícula do primeiro Airbus A320 da Itapemirim recebeu a designação PS-SPJ, iniciais do nome do presidente Sidnei Piva de Jesus.

PUBLICIDADE