PUBLICIDADE
IPCA
0,86 Out.2020
Topo

Econoweek

Top 10 apps de investimentos com selo de segurança ABFintechs

César Esperandio

César Esperandio

César Esperandio é economista com ênfase em planejamento financeiro, com larga experiência no mercado financeiro. Já atuou em setores macroeconômicos de bancos e consultorias, além de ter passado por empresa de pesquisas de mercado. Hoje se dedica exclusivamente ao Econoweek, com foco em investimentos.

01/05/2020 04h00

Você provavelmente já conhece todas as corretoras de investimentos. Mas talvez não saiba quais são os aplicativos seguros para investir seu dinheiro e ter retorno acima dos investimentos tradicionais.

Eu sou César Esperandio, economista do Econoweek, a tradução da economia e dos investimentos. E irei mostrar dez aplicativos de investimentos com o selo de segurança da ABFintechs. Tem app de investimento em startups, crowdinvesting, peer-to-peer investing, Bitcoins e várias outras coisas, sem o risco de se meter em uma fraude.

Da última vez que falei disso, mostrei 10 aplicativos para economizar dinheiro durante a crise.

Agora, com o dinheiro economizado, vamos às soluções digitais de investimentos. Tudo de graça e com o selo de segurança da ABFintechs, a Associação Brasileira de Fintechs.

Bitcoin

O frenesi de investimentos em criptomoedas já passou, mas é fato que houve uma valorização enorme para quem investiu em Bitcoin desde que a moda ainda estava começando.

Desempenho no passado não é garantia de boa performance no futuro, mas todos já viram o cálculo que mostra que se tivesse comprado R$ 50 em Bitcoin em 2011, hoje teria mais de R$ 4 milhões, como mostramos no vídeo acima.

Como eu nunca investi em Bitcoin, recorri ao presidente da Associação Brasileira de Fintechs para que ele recomendasse as empresas sérias para quem deseja investir nesse tipo de coisa e não ter que se preocupar com fraudes.

Entre os apps de Bitcoins recomendados por ele (todos sem taxas para compra e venda) está o Mercado Bitcoin, que além de possibilitar investimentos a partir de R$ 50, também tem na plataforma outros investimentos alternativos.

Há também a Foxbit, que permite investimentos em outras moedas digitais, como Riple e Litecoin, com a partir de R$ 20.

A Nox Bitcoin não tem tanta variedade de criptomoedas, mas expande a possibilidade de investimentos em Bitcoins com estratégias típicas de traders, como "tradar" a volatilidade da variação de preços e outras táticas.

Devo destacar que essa não é uma recomendação de investimentos, bem como as próximas soluções que vou citar.

É bom saber quais empresas são seguras e recomendadas pela ABFintechs, mas como Bitcoins não é a minha praia, deixe o seu comentário falando o que você acha desse mercado de criptomoedas e quais empresas confia para esse tipo de coisa.

Mercado imobiliário

Conhece alguém que gosta de investir em imóveis para alugar? Você é assim?

Hoje, além desse mercado tradicional, há alternativas digitais, que possibilitam começar a investir com muito menos dinheiro do que comprar uma casa ou apartamento.

A CapRate e a Glebba são duas plataformas que permitem escolher em qual empreendimento imobiliário investir com a partir de R$ 1.000, valor muito menor que a entrada de qualquer financiamento, com retornos superiores à renda fixa.

As duas empresas, bem como todas dessa lista, não cobram nenhuma taxa de investimento e têm selo de confiança da ABFintechs.

Startups

Com cada vez mais fintechs no mercado e, de repente, valendo uma quantia bilionária, a Captable, uma crowdfunding de investimentos em startups, oferece a possibilidade de se tornar sócio de uma dessas empresas modernas que estão surgindo.

É possível começar com R$ 1.000. Já mostrei as cinco maneiras de investir em startups. Vale a pena conferir.

Investimentos P2P

Peer-to-peer (ou P2P, como ficou conhecido) significa quase literalmente "de pessoa para pessoa".

Nessa modalidade de investimentos, a Nexoos faz o papel de intermediadora entre pessoas dispostas a investir e empresas que querem esse investimento.

Além da intermediação em uma plataforma digital, também avaliam o risco de cada empresa para que o retorno do investimento esteja alinhado ao risco.

A MatchMoney, outra solução digital do ramo, faz a mesma coisa, mas usa como garantia os imóveis da empresa que quer receber investimentos.

As duas têm retornos acima da renda fixa, com riscos correspondentes aos retornos esperados.

Investimentos alternativos

Fugindo do mercado tradicional, a Bloxs permite, por exemplo, investir em empresas de instalação de energias alternativas.

Hoje, na plataforma, há a opção de investir em uma empresa que instala placas de energia solar em condomínios.

Eles funcionam como um crowdfunding, que é uma modalidade de investimentos coletivos, na qual várias pessoas investem pequenas quantias até atingirem um objetivo de investimento maior.

Investimentos tradicionais

Se investimentos alternativos não são a sua praia, há um aplicativo que te mostra todas as opções de investimentos, disponíveis em todas as corretoras. Basta informar quanto quer investir e por quanto tempo.

Quer investir R$ 1.000 por 12 meses? O app Yubb mostra todas as opções de investimentos, brasileiras e internacionais, desde ações, fundos de investimentos e títulos de renda fixa, passando pelo Tesouro Direto e títulos privados, como CDBs e debêntures, mostrando o tamanho do risco, o retorno esperado e outras informações.

Tudo isso, sem cobrar nada e sem precisar de cadastro.

Qual é seu aplicativo de investimentos favorito? Conte aqui nos comentários ou fale com a gente no nosso canal do YouTube, Instagram e LinkedIn. Também é possível ouvir nossos podcasts no Spotify. A gente sempre compartilha muito conhecimento sobre economia, finanças e investimentos. Afinal, o conhecimento é sempre uma saída!

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL.