PUBLICIDADE
IPCA
1,06 Abr.2022
Topo

Econoweek

REPORTAGEM

Texto que relata acontecimentos, baseado em fatos e dados observados ou verificados diretamente pelo jornalista ou obtidos pelo acesso a fontes jornalísticas reconhecidas e confiáveis.

Conta digital ou Tesouro Selic: qual rende mais e é melhor para investir?

Conteúdo exclusivo para assinantes
César Esperandio

César Esperandio

César Esperandio é economista com ênfase em planejamento financeiro, com larga experiência no mercado financeiro. Já atuou em setores macroeconômicos de bancos e consultorias, além de ter passado por empresa de pesquisas de mercado. Hoje se dedica exclusivamente ao Econoweek, com foco em investimentos.

04/05/2022 04h00

O Tesouro Selic é o investimento mais seguro do Brasil e você já sabe disso, mas há diversas contas digitais remuneradas, como Pagbank, Nubank, Picpay e Mercado Pago. Onde é melhor investir a reserva de segurança? Vou mostrar qual rende mais e para qual finalidade cada estratégia se encaixa melhor, bem como dicas bônus que você pode ver no vídeo abaixo.

Os três pilares da reserva de emergência

Para escolher onde aplicar a grana da sua reserva de emergência é só buscar investimentos que obedeçam a três pilares: liquidez diária (possibilidade de usar o dinheiro sempre que precisar), segurança elevada e previsibilidade dos rendimentos.

Ainda está confuso sobre sua reserva de emergência? Confira aqui a melhor explicação sobre isso.

1. Liquidez diária

Tanto as contas digitais remuneradas como o Tesouro Selic possuem liquidez diária.

Ao solicitar o resgate de uma parte dos seus investimentos do Tesouro Selic até às 13 horas, o dinheiro estará disponível no mesmo dia na sua conta da corretora utilizada para a aplicação.

Caso a solicitação de resgate ocorra depois desse horário, o dinheiro poderá ser sacado no próximo dia útil.

Nas contas digitais remuneradas, o dinheiro está disponível para ser usado a hora que quiser. É só "passar o cartão" que o dinheiro que fica rendendo na conta já é gasto na hora.

2. Segurança do investimento

Você está "em boas mãos" em qualquer uma das opções citadas quando o assunto é segurança.

O Tesouro Selic é considerado o investimento mais seguro do Brasil. Mais até que a poupança, mesmo rendendo quase o dobro.

As contas digitais remuneradas, como Nubank, Pagbank e Mercado Pago, tipicamente investem a sua grana em CDBs que, por característica, são protegidas em até R$ 250 mil.

Ou seja, você conta com altíssimo grau de segurança nas duas opções.

3. Previsibilidade dos rendimentos

Há previsibilidade das rentabilidades em ambas as aplicações.

O Tesouro Selic é um investimento do tipo pós-fixado uma vez que o lucro varia conforme a Selic sobe ou desce, mas sempre é positivo.

As contas digitais remuneradas normalmente rendem 100% do CDI, o que é equivalente à taxa Selic efetiva.

Qual rende mais: Tesouro Selic ou conta digital?

O Tesouro Selic normalmente rende mais, mas será que sempre é melhor investir nisso em vez de aplicar em contas digitais?

Como a Selic efetiva e o CDI são taxas de retorno equivalentes, mas o Tesouro Selic rende um bônus acima dessa taxa (atualmente entre 0,05% e 0,30% ao ano), ele leva vantagem.

Além disso, nos primeiros R$ 10 mil aplicados, a taxa da B3 (0,2% ao ano) é isenta para quem aplica no Tesouro Selic.

Mesmo assim, eu faço as duas aplicações para aproveitar a praticidade das contas digitais.

Deixo uma quantia para as contas do dia a dia em uma conta digital que rende 100% do CDI e a maior parte da minha reserva de emergência atualmente está no Tesouro Selic, que tem rentabilidade sutilmente superior.

Quanto rendem R$ 1.000 em CDBs?

Dentro da maioria das contas digitais há outras possibilidades de investimentos. No vídeo abaixo, gravei a tela simulando quando rendem R$ 1.000 nessas aplicações. Em algumas, o lucro fez quase dobrar o capital investido.

Também tenho uma novidade: o Econoweek está concorrendo ao prêmio iBest na categoria Investimentos. Se você acha nossos conteúdos bacanas, pode contribuir com seu voto.