Bolsas

Câmbio

Bolsas da Ásia fecham em queda; índice japonês perde mais de 1%

Do UOL, em São Paulo

As Bolsas da Ásia e do Pacífico fecharam em queda nesta quarta-feira (12), exceto a de Taiwan, que subiu 0,36%, e a da Coreia do Sul, que ficou quase estável, com leve alta de 0,09%.

Na Coreia, as ações da Samsung se desvalorizaram 0,65%, após a empresa anunciar o encerramento da produção do Galaxy Note 7. Nas últimas semanas, várias unidades do modelo pegaram fogo de maneira espontânea por conta de um problema da bateria.

O índice japonês Nikkei perdeu 1,09%, após queda nas Bolsas dos Estados Unidos na véspera. Investidores estão se preparando para a elevação das taxas de juros pelo Fed (Federal Reserve, o banco central norte-americano) até o fim do ano.

Também estão cada vez mais de olho na política com a aproximação das eleições presidenciais no dia 8 de novembro. A recente turbulência enfrentada pelos republicanos e o candidato presidencial do partido, Donald Trump, está levando a certa especulação de que uma vitória da democrata Hillary Clinton possa ser acompanhada por grandes ganhos do partido dela no Congresso dos EUA.

A Bolsa da China também caiu, 0,2%.

Ainda na região, o mercado de ações perdeu 1,49% em Cingapura, 0,6% em Hong Kong e ficou quase estável na Austrália, com leve queda de 0,09%.

(Com Reuters)

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos