PUBLICIDADE
Topo

Imposto de renda


Caiu na malha fina do IR e regularizou situação? Restituição é paga hoje

Do UOL, em São Paulo

15/01/2020 10h38

Resumo da notícia

  • Pagamento corresponde a declarações que caíram na malha fina entre 2008 e 2019 e foram regularizadas
  • São R$ 725 milhões pagos a 185.891 contribuintes
  • Dinheiro será depositado na conta bancária indicada na declaração

A Receita Federal deposita hoje (15) R$ 725 milhões em restituições do Imposto de Renda para 185.891 contribuintes. O lote corresponde a declarações que haviam caído na malha fina entre 2008 a 2019 e foram regularizadas. O dinheiro será depositado na conta bancária indicada pelo contribuinte ao fazer a declaração.

Segundo a Receita, do total dos contribuintes que receberão nesse lote, 8.010 são idosos acima de 80 anos, 36.161 têm entre 60 e 79 anos de idade, 4.412 têm alguma deficiência física ou mental ou doença grave e 9.387 têm no magistério sua maior fonte de renda.

Como saber se teve a restituição liberada?

Você pode:

Valor é corrigido?

Sim, é corrigido pela Selic (taxa básica de juros), mas, após cair na conta, não recebe nenhuma atualização. Os percentuais de correção variam:

  • de 4,77% (2019)
  • a 113,05% (declarações entregues em 2008)

A restituição ficará disponível no banco durante um ano. Se o contribuinte não fizer o resgate dentro desse prazo, deverá solicitar o valor pelo site, em "Formulário Eletrônico - Pedido de Pagamento de Restituição", ou diretamente no e-CAC, em "Extrato do Processamento da DIRPF".

O que fazer se o dinheiro não cair na conta?

Caso tenha direito e o valor não caia na conta, você pode:

  • procurar uma agência do Banco do Brasil
  • ligar para 4004-0001 (capitais), 0800-729-0001 (demais localidades) ou 0800-729-0088 (para deficientes auditivos).

Veja mais economia de um jeito fácil de entender: @uoleconomia no Instagram.
Ouça os podcasts Mídia e Marketing, sobre propaganda e criação, e UOL Líderes, com CEOs de empresas.
Mais podcasts do UOL no Spotify, Apple Podcasts, Google Podcasts e outras plataformas

Caiu na malha fina? Veja orientações da Receita

UOL Notícias

Imposto de renda