Topo

Trump: Banco Central de China começou a frear intercâmbios com a Coreia do Norte

21/09/2017 13h58

Nações Unidas, Estados Unidos, 21 Set 2017 (AFP) - O presidente americano, Donald Trump, afirmou nesta quinta-feira que o Banco Central da China ordenou suas filiais que limitem o comércio com a Coreia do Norte, ao anunciar novas sanções contra empresas estrangeiras que negociem com Pyongyang.

Trump descreveu esta decisão como "audaz" e "inesperada". A medida não foi confirmada imediatamente por Pequim, mas poderia representar um corte vital das divisas estrangeiras ao regime de Pyongyang.

Mais Economia